Dúvidas ao Mundo
Year of Creation: 2013 | Published: 2016-11-18 | Theme: Conflito

Dúvidas ao Mundo

Acordei observando ao meu redor
E constatei nas atitudes de algumas pessoas
Atitudes essas que fico a interrogar
E surpreso fico
E fatigado apenas no olhar.
 
Não entendo os motivos de fingimentos
Não concordo em mascarar sentimentos
Não aceito mentiras causando sofrimentos
Não engulo chantagens visando merecimentos.
 
Fico a me perguntar:
Onde está a vida?
 
Viver por viver
Esperando o dia morrer?
Viver para crescer
Esperando algo acontecer?
Viver para sofrer
Esperando o anoitecer?
Viver para chorar
Esperando o dia clarear?
 
Tantas perguntas ao nada
Tantas vidas vividas e ficando caladas
Tantos segundos de vidas amarguradas
E em um minuto
Acaba uma alma contemplada.
 
Sem saber o como viver
Desintegro-me pelos meus pensamentos
Acalentando-me dia a dia
Sem respostas ao sonho de esperanças de uma doce melodia.
 
Concluo então:
 
Fatos acontecidos simplesmente esquecidos
Fatos contestáveis simplesmente descartáveis
Pessoas que vivem totalmente à sombra dos esquecidos
Pessoas descartadas em um mundo de invariáveis.
 
É triste viver tendo que ver
Esta humanidade que não crê
E quase ninguém pensa em você.
 
Ora
Já passou da hora
Ora
A natureza cobra sem demora
Ainda há tempo
Basta começar no agora
Caso contrário
Suas lágrimas não serão de outrora.

If you liked, say thanks for author
Nice1

Report a problem

Commenting expired for this item.

Comments

No comments

Author
  • Poems: 17
  • Comments: 0
  • Last login: 3 years ago